Geral

Polícia realiza prisões e soluciona crimes

Balanço de investigações mostra elucidação de crimes em Ribeirão do Pinhal (Divulgação)

A Polícia Civil divulgou balanço dos casos solucionados nas últimas semanas em razão de investigações de sua equipe e algumas ações conjuntas com a Polícia Militar.



No dia 25 de outubro, a equipe da Polícia Civil solucionou a autoria de um furto qualificado ocorrido no centro da cidade, em uma residência na rua Vereador Francisco Cezar Nogari, ocasião em que a casa da moradora, uma professora de 41 anos, foi invadida e levaram um notebook e dois aparelhos celulares. Um dos objetos (aparelho celular Samsung, modelo J1 mini, de cor preta) levados foi recuperado durante buscas realizadas no mesmo dia na Vila Domingues, oportunizando além da recuperação do aparelho, chegar ao nome do autor, um adolescente de 17 anos, natural de Santo Antônio da Platina, atualmente internado no Cense (Centro de Socieducação).

No dia 28 de outubro, na Avenida Silveira Pinto, um homem de 29 anos foi vítima de furto de sua motocicleta. Um dia depois, o veículo foi localizado pela Polícia Militar, na rua Lions Clube, em virtude de denúncia anônima. A Polícia Civil teve acesso a imagens de câmeras de segurança, sendo identificados os autores do crime; Eduardo Martins de Carvalho, este egresso da Cadeia Pública, e um adolescente. O inquérito será encaminhado em breve para a Justiça com solicitação da decretação da prisão preventiva do autor.

No dia 29 de outubro, por volta de 11 horas, no centro de Ribeirão do Pinhal, a residência de um dentista de 35 anos foi invadida, tendo o ladrão saltado o muro da casa e apoderado de um televisor. Em rápida apuração, a polícia checou as características físicas do criminoso e, em ação conjunta entre as polícias civil e militar, Nilson Pereira Domingues, natural de Assaí, foi preso em flagrante e encaminhado para a Cadeia Pública de Ribeirão do Pinhal.

Em data de 31 de outubro, por volta das 8 horas, equipe da Polícia Civil prendeu Gabriel Fernandes Ribeiro, de 21 anos, no bairro Vila Santa Terezinha. A sua prisão foi decretada por ordem da justiça por ter sido autor de vários disparos contra Wosney Melo de Moraes, no dia 29 de setembro, em frente a um bar na Avenida Silveira Pinto.

Facebook Comments
Compartilhe: