Esporte

Paraná abusa dos erros, perde para o Santos e segue na lanterna do Brasileirão

Em noite de vacilos defensivos, Tricolor foi superado pelo Peixe e segue sem vencer na competição

Paraná tropeçou mais uma vez e foi derrotado pelo Santos (GUILHERME DIONíZIO/CÓDIGO19/ESTADÃO CONTEÚDO)

O desejo de celebrar uma vitória no retorno à elite foi adiado mais uma vez. Em mais uma partida de oscilações, o Paraná fez um bom início, mas viu o rendimento cair e foi derrotado pelo Santos, por 3 a 1, na noite deste domingo (13), na Vila Belmiro. O time amargou o seu quarto revés em cinco rodadas e segue sem vencer no Brasileirão.



O Tricolor segue encontrando dificuldades para marcar gols no campeonato. Desta vez, a equipe ameaçou pouco, tendo apenas cinco finalizações no duelo. Mas o contexto seguiu o mesmo, com apenas um gol marcado. Em contrapartida, os erros defensivos seguiram e o adversário levou a melhor mais uma vez.

O jogo 

Esperando um adversário com uma postura ofensiva, o Paraná adotou a proposta de compactar as linhas e apostar nas transições rápidas no primeiro tempo. A estratégia deu certo. Sem sofrer grandes sustos, o goleiro David trabalhou apenas uma vez, aos 27 minutos, quando segurou firme investida pelo alto do atacante Rodrygo.

Por sua vez, o time do técnico Rogério Micale conseguiu chegar duas vezes no perigo. Uma delas, em um contra-ataque, aos 41 minutos, que Alemão infiltrou pelo lado direito e chutou forte, forçando Vanderlei a fazer grande defesa e evitar o primeiro. Pouco depois, aos 42, em cobrança de escanteio na área, a bola foi ajeitada e Silvinho chutou à direita da meta santista.

Se na primeira parte de partida o Tricolor conseguiu segurar o time da casa, a estratégia foi por água abaixo na etapa final. Logo no primeiro minuto, a defesa bobeou e o Peixe abriu o placar. Após a defesa afastar cruzamento na área, Gabriel errou a finalização e deixou a sobra nos pés de Rodrygo, que só teve o trabalho de empurrar para o fundo das redes de David.

O drama paranista ampliou ainda na primeira quinzena do segundo tempo. Aos 13 minutos, após cruzamento da direita, Eduardo Sasha ajeitou na segunda trave e Gabriel apareceu livre na pequena área para cabecear e marcar o segundo do Santos.

O Paraná encontrou dificuldades para reagir e não conseguiu ameaçar a meta defendida pelo goleiro Vanderlei. A noite era mesmo dos donos da casa. Em mais uma chegada pela lateral do campo, Arthur Gomes fez boa jogada e cruzou rasteiro para Gabriel, na pequena área, apenas completar para as redes, marcando o seu segundo gol e o terceiro alvinegro.

O Tricolor ainda descontou o placar no apagar das luzes. Aos 47 minutos, em tabela no campo de ataque, Silvinho chutou da meia-lua e mandou para o fundo das redes de Vanderlei.

FICHA TÉCNICA
SANTOS 3X1 PARANÁ

Local: Vila Banda B-elmiro, Santos (SP).
Data: Domingo, 13 de maio de 2018.
Horário: 19h.
Árbitro: Wagner Reway (MT).
Assistentes: Alessandro Alvaro Rocha de Matos (BA) e Eduardo Gonçalves da Cruz (MS).
Público e renda: 3.971 total | R$ 140.110,00

Santos: Vanderlei; Victor Ferraz, Lucas Veríssimo, Gustavo Henrique e Dodô; Alison (Emiliano Vecchio), Vitor Bueno (Diego Pituca), Jean Mota, Eduardo Sasha e Rodrygo (Arthur Gomes); Gabriel.
Técnico: Jair Ventura.

Paraná: David; Alemão, Jesiel, Rayan e Igor (Júnior); Wesley Dias, Torito (Alex Santana) e Caio Henrique; Léo Itaperuna (Vitor Feijão), Silvinho e Carlos.
Técnico: Rogério Micale.

Gols: Rodrygo a 1′ e Gabriel (SAN) aos 13′ e 31′ e Silvinho (PRC) aos 47′ do segundo tempo.

Cartões amarelos: Gabriel (SAN); Torito e Vitor Feijão (PRC).

*Banda B-Guilherme Coimbra 

Compartilhe: