Geral

Júri condena homem que cravou faca na ex-companheira

Réu vai cumprir pena de 18 anos e meio de reclusão

Foto: Guilherme da Costa Diniz

O Tribunal do Júri de Jacarezinho, no Norte Pioneiro paranaense, condenou um homem que tentou matar sua ex-companheira. A pena atribuída ao réu foi de 18 anos e meio de reclusão. O crime ocorreu em 21 de janeiro de 2017, quando o homem atacou a mulher com uma faca, que ficou alojada por dias na cabeça da vítima, sendo depois removida cirurgicamente.



Acatando as teses do Ministério Público, o réu foi condenado por tentativa de homicídio triplamente qualificado (feminicídio, motivo fútil e meio que dificultou a defesa da vítima). Além disso, recebeu mais quatro meses e 12 dias de detenção e 18 dias de prisão simples pelos crimes de ameaça (por quatro vezes), cárcere privado e vias de fato.

Facebook Comments
Compartilhe: