Sábado, 18/11/2017

Saúde 18/05/2017 - Jivago França - Tribuna do Vale


Sesa capacita profissionais da região no combate ao tabagismo


Capacitação em Jacarezinho contou com aproximadamente 100 profissionais dos 22 municípios da região -
A Secretaria Estadual de Saúde (Sesa) promoveu quinta-feira (18) em Jacarezinho uma capacitação para os profissionais dos 22 municípios da área de abrangência da 19ª Regional de Saúde com sede em Jacarezinho em relação ao combate ao tabagismo.

A capacitação contou com participação da coordenadora do programa de Controle do Tabagismo no Estado do Paraná, Márcia Regina Camargo Sturm que salientou a oportunidade de preparar os profissionais da região para oferecer o tratamento aos dependentes. “A nossa proposta para reunir os profissionais dos municípios é para que essa oferta do serviço seja ampliada”, destacou.

Segundo a coordenadora, o tratamento acontece em grupos muitas vezes com utilização de remédios, nas Unidades Básicas de Saúde. “Esse grupo vai definir, fazer uma avaliação se o fumante fuma muito ou fuma menos. O fumante pesado (que fuma com uma freqüência maior) precisa de um apoio medicamentoso. Existe uma abordagem diferenciada para o fumante. O tratamento exige uma estratégia bem definida para que o fumante tenha êxito e pare de fumar”, disse.

Ainda conforme Márcia Regina “deixar de fumar é uma tarefa difícil. Nossa luta é contra as indústrias, não contra os fumantes. Ele é um dependente”. De acordo com dados do INCA (Instituto Nacional de Câncer), o tabagismo é responsável por 200 mil mortes a cada ano no Brasil.

A capacitação em Jacarezinho contou com aproximadamente 100 profissionais dos 22 municípios da região. “A ideia é estimular os profissionais, mostrar como é o tratamento, para que eles despertem para realizar nas suas unidades. Deixar de fumar é um processo difícil e como é lícito o fumante tem acesso fácil”, finalizou.

O Programa Nacional de Controle ao Tabagismo começou em 1989 e segundo Márcia, é um modelo mundial.

Para a assistência social e técnica do Departamento de Promoção de Saúde e do Núcleos de Apoio à Saúde da Família (NASF), Cidete Maria Chiapetti Casaril, a capacitação é para todos os profissionais ligados a saúde. “É para uma equipe multiprofissional. Todos podem ser capacitados. O envolvimento é muito importante”, disse. Segundo Cidete, a dependência química é multifatorial. “A pessoa fuma por diversos problemas e o apoio de todas as instituições é muito importante”.

O chefe da 19ª Regional de Saúde de Jacarezinho, Alfredo Ayub também participou do evento e salientou a importância para a região. “A importância é de capacitar os profissionais de seus municípios para estarem aptos para fazerem este tratamento junto às pessoas que desejam deixar esse habito de fumar”, destacou.

Ainda conforme Ayub, que revelou ser ex-fumante, disse que melhorou muito a qualidade de vida após deixar o habito. “Eu me conscientizei e fiz, mas hoje está muito mais fácil, tem todo um apoio, tem toda uma rede à sua disposição. Há 20 anos eu não tinha isso. Hoje tem tudo, todo apoio, profissionais capacitados. Medicação que ajuda a se afastar desse vício”, finalizou Alfredo Ayub.


2017 - TANOSITE - Todos os direitos reservados
plataforma desenvolvida por Rodrigo Campos (43) 9 8814-5432