Segunda, 23/04/2018

Educação 11/04/2018 - Da Agência Estadual


Pais e alunos escolhem disciplinas no ensino integral


Os 6.700 estudantes do Ensino Fundamental em turno único participam de diversas atividades - (Divulgação)
A rede estadual de ensino possui 56 escolas que ofertam a Educação em Tempo Integral - Turno Único (ETI) para alunos do ensino Fundamental e Médio. Nessa proposta de ensino, além da expansão do horário escolar, os pais e alunos participam da composição da Parte Diversificada da Matriz Curricular.

Os 6.700 estudantes matriculados no Ensino Fundamental em turno único participam de atividades de Acompanhamento/Aprofundamento Pedagógico, Esporte e Lazer, Temas Sociais, Contemporâneos, Cultura, Arte e Educação Patrimonial, Comunicação e Uso de Mídias.

Já os 1.600 alunos do Ensino Médio participam de aulas de Comunicação, Cultura Digital e Uso de Mídias, Cultura Corporal, Cultura e Patrimônio, Educação Científica e Cidadania, Percepções Teatrais no Ambiente Escolar.

Segundo a coordenadora da Educação Integral, da Secretaria de Estado da Educação, Zulsi Rohr, essas atividades fazem parte dos Componentes Curriculares Eletivos escolhidos pela comunidade escolar com o objetivo de contribuir para o enriquecimento do currículo, possibilitar o desenvolvimento e interação entre estudantes, incentivar a convivência e a troca de experiências.

“Os estudantes participam da escolha dos Componentes Curriculares Eletivos, que farão parte do currículo da escola de acordo com seus interesses, necessidades e expectativas, para que se sintam inseridos no ambiente escolar. É importante ressaltar que as atividades desenvolvidas, a partir dos Componentes Curriculares Eletivos, precisam ter particularidades lúdicas e práticas, com metodologias diferenciadas”, disse.

FUNCIONAMENTO - As turmas das instituições de Ensino Fundamental nesse modelo de ensino possuem três horas-aula semanais com atividades de Componente Curricular Eletivo, conforme especificidades da escola. Para as turmas do Ensino Médio são destinadas duas horas/aula semanais também conforme as características do estabelecimento de ensino. Essas atividades são trabalhadas junto com as disciplinas da Base Nacional Comum da Matriz Curricular.

O chefe do Departamento de Educação Básica da Secretaria da Educação, Cassiano Ogliari, afirmou que a proposta amplia as possibilidades de ensino. “Essa organização curricular para ETI propõe expandir as possibilidades de conexão e diálogo entre as disciplinas e componentes curriculares, ampliar as oportunidades dos estudantes para aprender e desenvolver práticas que contribuirão para a sua formação integral”, disse.

2018 - TANOSITE - Todos os direitos reservados
plataforma desenvolvida por Rodrigo Campos (43) 9 8814-5432