Segunda, 23/04/2018

Paraná 02/04/2018 - Da Redação com Assessoria


E-mails falsos enviados em nome do Ministério Público podem conter vírus


Nos últimos meses, cidadãos paranaenses têm relatado o recebimento de falsos e-mails em nome do Ministério Público do Paraná. Para auxiliar na identificação dessas mensagens, o MPPR esclarece que todas as comunicações da instituição são feitas com o final @mppr.mp.br no remetente. Portanto, quem receber um e-mail identificado como sendo do MPPR deve verificar se ele tem essa terminação específica, ignorando a mensagem se o endereço do remetente for outro.

A medida é necessária para evitar eventual contaminação de computadores por vírus, que, além de causarem lentidão excessiva, podem provocar danos ao sistema operacional, roubar informações e até mesmo sequestrar documentos, deixando-os criptografados sem possibilidade de recuperação. Caso a pessoa abra o e-mail acidentalmente, recomenda-se que não clique em links para downloads ou em qualquer arquivo anexo, pois, caso realmente seja algum vírus, é nesse momento que ele pode ser instalado no equipamento.
Outro detalhe importante a observar é que, no corpo das mensagens enviadas pelo MPPR, consta sempre o nome completo da pessoa contatada. Assim, comunicações genéricas ou nas quais não conste o nome do destinatário devem ser desconsideradas.

Em caso de dúvida, a orientação é para que as pessoas que receberem mensagens suspeitas entrem em contato com a Promotoria de Justiça de sua comarca.


2018 - TANOSITE - Todos os direitos reservados
plataforma desenvolvida por Rodrigo Campos (43) 9 8814-5432