Quarta, 26/07/2017

Esporte 17/07/2017 - Bem Paraná


Coritiba perde no Couto e amarga o maior jejum caseiro do Brasileirão


Galdezani lamenta lance contra o Fluminense: derrota no Couto - (Geraldo Bubniak)
O Coritiba perdeu por 2 a 1 para o Fluminense, nesse domingo (dia 16) à noite, no Couto Pereira, pela 14ª rodada do Campeonato Brasileiro. Com o resultado, o time paranaense ficou em 12º lugar, com 19 pontos, dois pontos abaixo do G6 – o grupo de classificação para a Copa Libertadores 2018. A equipe carioca está na 9ª colocação, com 20 pontos.

Esse foi o quinto jogo seguido do Coritiba sem vencer como mandante. É o maior jejum caseiro do Brasileirão 2017, empatado com o Fluminense, que também não vence em casa há cinco rodadas.

Em relação ao desempenho, o Coritiba viveu bons momentos na partida, mas cometeu erros graves. Um deles foi o pênalti pertido por Henrique Almeida, aos 8 minutos do 1º tempo, quando o placar marcava 0 a 0. O Flu não fez uma boa partida, mas soube utilizar a qualidade individual de Gustavo Scarpa e Richarlison, dois jogadores com habilidade muito acima da média da competição.


A partida foi marcada por duas estreias no Coritiba. O zagueiro Luizão, ex-Londrina, foi titular, no lugar de Werley. E o zagueiro Thalisson Kelven, revelação da base, de 19 anos, entrou durante o jogo.

PACHEQUINHO
O técnico Pachequinho completou 27 jogos pelo Coritiba em 2017, agora com 13 vitórias, 6 empates e 8 derrotas.

ESCALAÇÃO
O Coritiba não tinha Márcio e Kleber, suspensos. Os lesionados eram Werley, Léo, Alan Santos, Tiago Real e Iago. O esquema tático foi o mesmo 4-2-3-1 da última rodada. Os três meias ofensivos eram Neto Berola (esquerda), Rildo (direita) e Anderson (centro).

O Flu não tinha Wellington Silva, Henrique Dourado, Henrique (ex-Coritiba), Luiz Fernando, Douglas, Renato Chaves, Gum, Pierre e Sornoza. O esquema era o 4-3-3, com Scarpa (direita) e Richarlison (esquerda) nas pontas.

PÊNALTI PERDIDO
O jogo começou com pênalti perdido. Galdezani fez grande jogada e sofreu a penalidade, já aos sete minutos. Henrique Almeida chutou sobre o gol e desperdiçou. Pouco depois, aos 17, o Flu perdeu um jogador por lesão: saiu Reginaldo e entrou Frazan.

DOIS GOLS DO FLU
O Coritiba teve maior domínio do jogo até os 30 minutos do primeiro tempo e criou as melhores jogadas ofensivas. O Flu praticamente não atacou antes disso, mas fez 1 a 0 aos 31, graças ao talento individual dos seus jogadores. Gustavo Scarpa fez boa jogada pela ponta direita e cruzou rasteiro para Richarlison, que mostrou habilidade para fintar Rodrigo Ramos e chutar no ângulo. Aos 37, o time carioca fez 2 a 0. Galdezani errou passe na defesa. Richarlison ajeitou para Léo, que chutou de fora da área. A bola desviou em Rodrigo Ramos e “matou” Wilson.

LESÃO E ESTREIA
Aos 40 do 1º, o zagueiro Walisson Maia saiu lesionado. Entrou o zagueiro Thalisson Kelven, 19 anos, revelação da base, para fazer sua estreia pelo Coxa.

GOL SEM COMEMORAR
Aos 46, o Coxa diminuiu para 2 a 1. Rildo cobrou escanteio a meia altura. Henrique Almeida pegou a sobra no meio da área e cutucou. O atacante vinha sendo vaiado pela torcida e não comemorou o gol.

IMPROVISAÇÃO
O Flu perdeu o zagueiro Nogueira por lesão aos 3 do 2º. Entrou o lateral-direito Renato. E o volante Orejuela ficou improvisado na zaga. O Coxa trocou de lateral-direito aos 11 do 2º: saiu Rodrigo Ramos e entrou Dodô.

SEGUNDO TEMPO
O Coritiba voltou melhor para o segundo tempo, passou a ter o domínio do meio-campo e construiu boas jogadas. No entanto, o Flu seguiu criando no setor ofensivo e levando perigo. Aos 26, o Coxa tirou Neto Berola e colocou o centroavante Alecsandro. Com isso, Henrique Almeida ficou na meia-direita. O esquema seguiu o mesmo 4-2-3-1. A bola alta para Alecsandro virou a principal arma. O centroavante finalizou com perigo em um lance, mas o goleiro defendeu, aos 31.

ESTATÍSTICAS
O Coritiba teve 13 finalizações (4 certas), 52% de posse de bola, 3 escanteios e 78% de precisão nos passes e lançamentos. O Flu somou 6 finalizações (2 certas), 3 escanteios e 70% nos passes e lançamentos. Os dados são do WhoScored.

CORITIBA 1 x 2 FLUMINENSE
Coritiba: Wilson; Rodrigo Ramos (Dodô), Luizão, Walisson Maia (Thalisson Kelven) e William Matheus; Jonas, Galdezani, Neto Berola (Alecsandro), Anderson e Rildo; Henrique Almeida. Técnico: Pachequinho
Fluminense: Júlio César; Lucas, Reginaldo (Frazan), Nogueira (Renato) e Léo; Orejuela, Marlon Freitas e Wendel; Gustavo Scarpa, Richarlison e Pedro (Marcos Junior). Técnico: Abel Braga
Gols: Richarlison (31-1º), Léo (37-1º) e Henrique Almeida (46-1º)
Cartões amarelos: Orejuela, Lucas, Renato, Pedro (F). Galdezani, Henrique Almeida, Luizão (C).
Árbitro: Leandro Bizzio Marinho (SP)
Público: 10.845 pagantes (11.686 total)
Renda: R$195.075,00
Local: Couto Pereira

PRINCIPAIS LANCES
Primeiro tempo
4 – William Matheus enfia. Anderson recebe na área e chuta cruzado. O goleiro defende.
7 - Galdezani rouba a bola no ataque, invade a área e é derrubado por Marlon Freitas. Pênalti. Henrique Almeida chuta sobre o gol.
21 – Rodrigo Ramos dribla, invade a área e chuta cruzado. O goleiro defende.
31 – Gol do Flu. Scarpa avança pela ponta direita e cruza rasteiro. Richarlison domina na área, finta Rodrigo Ramos e chuta no ângulo.
37 – Gol do Flu. Galdezani erra passe na defesa. Richarlison ajeita para Léo, que chuta de fora da área. A bola desvia em Rodrigo Ramos e “mata” Wilson.
45 – Scarpa cruza na medida para Wendel, na entrada da área. Ele chuta para fora.
46 – Gol do Coritiba. Escanteio batido por Rildo a meia altura. No meio da área, Henrique Almeida se atira e chuta no meio do gol.

Segundo tempo
1 – Galdezani cobra escanteio. Kelven desvia na primeira trave. Neto Berola se estica todo e chuta ao lado do gol.
5 – Renato recebe na meia-lua e chuta forte. A bola passa perto.
13 – Galdezani chuta de fora da área. A bola passa perto.
14 – Neto Berola cai na área ao dividir com Léo e pede pênalti. Houve falta, mas foi fora da área. O árbitro não marcou e mandou a jogada seguir.
22 – Boa jogada do Coxa pelo centro. William Matheus invade a área. A bola sobra para Galdezani, que chuta. A zaga tira para escanteio.
29 – Rildo invade a área e chuta cruzado. Alecsandro se atira na pequena área, mas não alcança. A bola sai pela linha de fundo.
31 – Dodô cruza. Alecsandro cabeceia no canto. O goleiro salva.


2017 - TANOSITE - Todos os direitos reservados
plataforma desenvolvida por Rodrigo Campos (43) 9 8814-5432