Terça, 24/10/2017

Saúde 08/10/2017 - Bem Paraná


Bancários lideram notificações de depressão no trabalho no Paraná


(foto: Valquir Aureliano/Arquivo Bem Paraná)
O Dia da Saúde Mental aborda depressão no trabalho‘Saúde mental no trabalho’ é o tema escolhido pela Organização Mundial da Saúde (OMS) para o ano de 2017. No Paraná, o tema será abordado no Dia Estadual da Saúde Mental, instituído pela Lei Estadual nº 17.691/2013 e celebrado em 9 de outubro. Para conscientizar sobre o tema, a Secretaria de Estado da Saúde promove o simpósio ‘Conversando sobre Depressão, Saúde Mental e Trabalho’ na próxima segunda-feira (9), em Curitiba.

O simpósio também faz parte das ações da Semana Estadual de Conscientização sobre a Depressão (Lei Estadual nº 18.709/2016). “Nada mais pertinente do que falar sobre depressão no ambiente de trabalho, quando essa é uma das maiores causas de afastamento registrado pelas empresas atualmente”, fala o superintendente de Atenção à Saúde, Juliano Gevaerd.

De 2006 até 2017, foram notificados 265 casos de transtornos mentais relacionados ao trabalho no Paraná. A maior parte é do sexo feminino (165 casos), na faixa etária de 35 a 49 anos (132), com ensino superior completo (78) e com registro em carteira de trabalho (160).

“Embora seja de notificação obrigatória, esses ainda são dados subnotificados pelos serviços de saúde. O que também acontece é que, muitas vezes, o diagnóstico do profissional não relaciona o transtorno com o trabalho. Entretanto, o que temos pode servir como uma amostragem”, comenta o diretor do Centro Estadual de Saúde do Trabalhador, Lúcio Santos.

Algumas notificações também detalham a ocupação profissional. As três principais atividades são todas do mesmo ramo: o serviço bancário (escriturário - 23 notificações, gerente -16 e caixa -13), seguido de agente penitenciário (13) e de enfermeiro (9).

CAUSAS – Segundo a OMS, as situações de competição são as principais causas de estresse associado ao trabalho. Estatísticas apontam que uma a cada cinco pessoas no trabalho podem sofrer de algum problema de saúde mental. Esses problemas vão impactar diretamente no ambiente de trabalho, causando perda de produtividade, faltas ao trabalho, entre outros.

A organização do trabalho, a submissão a chefias autoritárias, a falta de comunicação entre as pessoas, o aumento no ritmo de trabalho e a exigência crescente de produtividade também são fatores que podem afetar a saúde dos trabalhadores. O assédio moral, quando um superior ou um colega de trabalho submete o trabalhador a constrangimentos ou humilhações de forma repetida e prolongada, também pode causar danos mentais.

PREVENÇÃO – A Organização Mundial da Saúde recomenda, como principal medida de enfrentamento, que a saúde mental seja um tema abordado no ambiente de trabalho. Entre as orientações para os empregadores estão: modificar fatores que geram estresse no trabalho, ser flexível e perceptivo com as necessidades pessoais dos funcionários e facilitar o acesso à atenção em saúde mental.

Já os empregados são orientados a reconhecer sinais de depressão entre os colegas, como a tristeza excessiva, a falta de esperança, a perda de interesses em atividades que antes traziam prazer e as modificações de apetite e hábitos de sono. Também é recomendado que o colaborador busque ajuda quando necessário e apóie quem esteja precisando dessa ajuda, converse com seu empregador sobre suas necessidades emocionais, e pratique o autocuidado e a capacidade de se adaptar a novas situações.

A população do Estado pode procurar ajuda especialmente nas unidades de saúde e nos Centros de Atenção Psicossocial (CAPS). Também existem ambulatórios de saúde mental e hospitais preparados para o acolhimento de pessoas que sofrem com transtornos mentais. Conheça os serviços da Rede de Atenção à Saúde Mental em: http://www.saude.pr.gov.br/arquivos/File/servicos_mental.pdf.

OUTROS TEMAS – Além da saúde mental no trabalho, o simpósio também vai abordar temas como a depressão, a saúde mental da mulher e a Rede de Atenção à Saúde Mental do Estado. Para participar é necessário se cadastrar previamente no link: http://www.escoladegestao.pr.gov.br/modules/conteudo/conteudo.php?conteudo=407.

Após o cadastro, é necessário encaminhar nome completo, RG, CPF e telefone para o e-mail saudemental@sesa.pr.gov.br. As inscrições devem ser feitas até o dia 6 de outubro. A participação é gratuita e haverá emissão de certificado. O evento também será transmitido online, basta acessar: webcast.pr.gov.br/videoconf/eventos/1/.

SERVIÇO
Simpósio ‘Conversando sobre Depressão, Saúde Mental e Trabalho’
Data: segunda-feira (9 de outubro)
Horário: das 8h30 às 17 horas
Local: Auditório Mário Lobo, no Palácio das Araucárias
Endereço: Rua Jacy Loureiro de Campos, s/nº – Centro Cívico. Curitiba/PR.


2017 - TANOSITE - Todos os direitos reservados
plataforma desenvolvida por Rodrigo Campos (43) 9 8814-5432